‘VELOZES E FURIOSOS’: EX-PRESIDENTE DO BRB E O PERIGOSO PATROCÍNIO DADO AO FILHO DE VIGÃO

4
97

Veja matéria publicada pelo Correio Braziliense em 17/08/2010. E nenhum deputado distrital se pronuncia a respeito… Confira:

Após apelação criminal do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), o ex-diretor do Banco de Brasília (BRB) Tarcísio Franklin de Moura foi condenado a pena de 12 anos de prisão por ter realizado contratos de patrocínio de corridas automobilísticas, por quatro anos seguidos, sem licitação. Anteriormente, a 2ª Vara Criminal de Brasília havia absolvido o acusado.

Segundo o MPDFT, entre os anos de 2003 e 2006, o então diretor do BRB, Tarcísio Franklin de Moura, autorizou a celebração de quatro contratos com a equipe esportiva WT Racing, no valor de cerca de R$ 965 mil. Os pedidos de patrocínio foram feitos pelo piloto Wigberto Veloso Tartuce, conhecido como Wiguinho.

Veja abaixo, matéria sobre Wiguinho, veiculada no Jornal de Brasília em 01/08/2005:

Piloto que atualmente corre na Stock Car Light, disputou ontem sua primeira prova pela Turismo do DF neste ano

Carlos Eduardo Cândido

A quarta etapa do Campeonato Brasiliense de Turismo categoria 1.600cc disputada ontem, no Autódromo Internacional de Brasília, foi marcada pelo equilíbrio. O piloto Wiguinho Tartuce somou mais pontos nas duas baterias realizadas e venceu a prova. Hélio Fausto, líder do campeonato, terminou em segundo, e Luciano Lobão foi o terceiro.

Wiguinho, que atualmente corre na Stock Car Light, disputou ontem sua primeira prova pela Turismo do DF neste ano. Na bateria de abertura, Tartuce chegou em segundo, atrás da dupla Júlio Alvim/Edu Garcia. Na segunda prova, o piloto foi beneficiado por problemas no carro de Júlio e Edu, e saiu vitorioso.

E a segunda bateria reservou as maiores emoções de ontem. Tartuce disputou curva a curva a vitória com Hélio Fausto. “Não fiz um bom acerto na primeira bateria e acabei derrotado. Na segunda, mexi no carro e melhorei meu rendimento”, afirmou Fausto, que segue na liderança geral da competição.

Segundo Tartuce, sempre que o calendário da Stock Car permitir, ele vai disputar o Brasiliense de Turismo. “Essa semana estava de folga da Stock e pude correr. Sempre que o calendário deixar quero correr. Até porque a próxima estapa será aqui em Brasília e preciso treinar”, anunciou.

Para Hélio Fausto, que chegou aos 82 pontos na tabela, o resultado foi bom. “Meu carro teve um bom rendimento nas duas baterias e me mantive em primeiro no campeonato”, comemorou.

Para o piloto, a participação de Wiguinho Tartuce aumenta o nível técnico das corridas. “Ele (Tartuce) é um piloto experiente e a presença dele é importante para a categoria”, festeja.

A próxima etapa do Campeonato Brasiliense de Turismo está marcada para o próximo dia 4 de setembro.

www.interjornal.com.br www.achanoticias.com.br

Jornal de Brasília – DF

01/08/2005 – 07:21

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui