PEDAÇOS DE NOSSOS HERÓIS; DICAS DE COMPORTAMENTO.

0
21

Para começar bem a semana, algumas dicas sobre o comportamento de nossos políticos no DF.
ARRUDA – Tá no estaleiro (pelo menos oficialmente) cuidando do tendão de Aquiles (mas pode chamá-lo de Augusto Carvalho ou de rorizite).
PAULO OCTÁVIO: O empresário mais feliz do DF assume o GDF e promete fazer o que o outro não fez e não gosta de fazer: ouvir aliados.
BENEDITO DOMINGOS: A luta nunca termina… e agora é contra o DEM.
JAQUELINE RORIZ: É disparada nas pesquisas para deputada federal. Êta sobrenome forte!
CHICO LEITE: Quem disse que “desse leite nunca beberei?”
CHICO VIGILANTE: Sem o PT, é apenas mais um “Chico”.
MAURÍCIO CORREA: Pijama pra quê?
BERINALDO PONTES: Vida de suplente não é fácil…
DIRETOR DO DETRAN: Alguém sabe quem é?
ALBERTO FRAGA: De candidato a senador, passou a ser adjunto de Sabrina Satto.
DOMINGOS LAMOGLIA: No TCDF, continua o mesmo.
NOVO MOBILIÁRIO DA CLDF: Vai deixar um conhecido empresário da cidade mais rico ainda.
PUBLICIDADE: O GDF nunca tem dinheiro para um conhecido jornal voltado para o segmento evangélico.
FERNANDO ANTUNES: O presidente do PPS é um sujeito conspícuo.
AUGUSTO CARVALHO: De estilingue, passou a ser vidraça!!!
CONTRATOS DE TECNOLOGIA: Semelhança com os empresários presos no Rio de Janeiro que tinham “boas intenções” com o dinheiro das Olimpíadas, do PAN, do PAC e da Copa. Combinavam preços, condições e decidiam que empresa deveria ganhar. Não é muita semelhança com o que ocorre no DF?
DFTRANS: Um diretor trouxe sua mudança de Curitiba para Brasilia. Aposta que vai permanecer no cargo por mais cinco anos. Se depender de investigações sobre enriquecimento ilícito, tráfico de influência, peculato, contratos fraudulentos e pregão “dirigido”, não vai não.
ORGIA: Um conhecido político, que já conquistou tudo o que poderia na vida, decidiu conhecer o inusitado e visitou um elegante apartamento na asa norte. Belas moças e adoráveis rapazes foram companhias inseparáveis das 22h30 até o amanhecer. Problema 1: no dia seguinte, não sabia distinguir se teria sido caça ou caçador. problema 2: alguém filmou no celular, as peripécias sexuais do dito cujo. Problema 3: a tal gravação vazou. Problema 4: poderá custar-lhe muito. Problema 5: não sabia que tubo retal não é órgão genital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui