MAIS
    HomeDistrito FederalPrimeira turma de 2023 do RenovaDF tem 1.623 inscritos

    Primeira turma de 2023 do RenovaDF tem 1.623 inscritos

    Vai começar mais uma etapa do RenovaDF, o curso do Governo do Distrito Federal que capacita auxiliares em manutenção. O primeiro ciclo de 2023 do programa foi lançado nesta terça-feira (14) pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda (Sedet), no Ginásio Regional de Esportes do Cruzeiro. Do total de 1.623 inscritos, 150 são pessoas em situação de rua, imigrantes, refugiados e egressos do sistema penal.

    Inscritos no RenovaDF acompanharam com entusiasmo a cerimônia de lançamento do primeiro ciclo do ano do programa | Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

    “Os alunos saem aptos a buscar uma vaga no mercado de trabalho”
    Celina Leão, governadora em exercício

    O presidente do Banco de Brasília (BRB), Paulo Henrique Costa, aproveitou a cerimônia para anunciar uma novidade aos alunos do RenovaDF: “Vamos lançar, ainda no mês de março, um programa de microcrédito que vai ter condições especiais para todo mundo que se formar no curso. É uma oportunidade de transformar a vida dessas pessoas”.

    Com três meses de duração, o RenovaDF ensina noções básicas de carpintaria, jardinagem, serralheria e hidráulica, entre outras especialidades. Todos os alunos recebem kit de uniforme completo, com camiseta, bota, capa de chuva, garrafa d’água, boné e equipamento de proteção individual. O curso também fornece lanche e bolsa no valor de um salário mínimo, além de auxílio-transporte e seguro contra acidentes pessoais.

    “O RenovaDF é um dos melhores programas do Distrito Federal, porque dá condições financeiras para que as pessoas se capacitem”, afirmou a governadora em exercício Celina Leão, durante a cerimônia de lançamento. “Muitas pessoas querem se profissionalizar, mas não têm condições de sair de casa porque falta o alimento, o transporte. O RenovaDF cobre tudo isso. Além disso, os alunos saem aptos a buscar uma vaga no mercado de trabalho.”

    Espaços públicos reformados

    “O RenovaDF é um programa de inclusão social que é referência no Brasil, que qualifica as pessoas e ainda recupera a cidade”
    José Humberto Pires de Araújo, secretário de Governo

    Outro diferencial do programa é que, enquanto se qualificam, os alunos recuperam espaços públicos da cidade, como praças, parquinhos, quadras poliesportivas, campos sintéticos de futebol, vilas olímpicas e viadutos. Quase 1,2 mil equipamentos ganharam uma cara nova pelas mãos dos alunos do programa, que já passou por 14 cidades do DF.

    “Temos muitos equipamentos públicos; as pessoas gostam de estar nas praças, nos parques, nas quadras esportivas”, comentou o secretário de Governo, José Humberto Pires de Araújo. “Todos esses espaços estão reformados graças à mão de obra qualificada pelo RenovaDF, um programa de inclusão social que é referência no Brasil, que qualifica as pessoas e ainda recupera a cidade.”

    As aulas do RenovaDF são ministradas pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Distrito Federal (Senai) durante quatro horas diárias, em quatro regiões administrativas. “Vamos dividir essa turma em três grandes grupos”, informou o titular da Sedet, Thales Mendes. “Uma parte vai estudar em Planaltina, outra no Gama e o restante no Plano Piloto e no Cruzeiro. O pagamento do auxílio-transporte será feito ainda hoje [terça, 14]”.

    Inclusão socioprofissional

    O RenovaDF começou a ser pensado durante a pandemia, como forma de atender pessoas em situação de extrema vulnerabilidade social. “É um case de sucesso nacional, um programa que já capacitou mais de 10 mil pessoas”, avaliou o diretor-regional do Senai, Marco Secco. “Hoje, o RenovaDF desponta, sem dúvida, como o maior programa de inclusão socioprofissional do Brasil”.

    Desde o quinto ciclo de 2022, o curso reserva pelo menos 100 vagas para pessoas em vulnerabilidade social. Todos recebem acompanhamento pelas unidades do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes).

    Quem já esteve em situação de rua garante que o RenovaDF é transformador. É o caso do ex-aluno Itamar Marinho, 53. “Eu passei oito anos sem ter onde morar e, antes de participar do programa, eu não sabia nem o que era uma chave turquesa”, relembrou. “O curso mudou minha vida, foi minha porta de entrada no mercado de trabalho e ainda abriu minha mente para passar por outras qualificações”.

    O clima do lançamento do primeiro ciclo do programa deste ano foi de agradecimento, por parte dos ex-alunos, e de expectativa das pessoas que vão começar a estudar. Atualmente desempregada, a dona de casa Débora Alves, 29, disse ver no RenovaDF a chance de recomeçar. “Quero me qualificar, aprender uma nova profissão”, afirmou. “Tenho dois filhos e acho que o programa vai me ajudar a aumentar a renda da minha família”.

    The post Primeira turma de 2023 do RenovaDF tem 1.623 inscritos appeared first on Agência Brasília.

    LEAVE A REPLY

    Please enter your comment!
    Please enter your name here

    Deve ler

    spot_img