PROCEDIMENTOS ÉTICOS NO GOVERNO FEDERAL

0
10
Dilma alertará equipe sobre procedimentos éticos

 

Presidente adiantou que também vai dividir com os ministros da área econômica ônus políticos que podem ser provocados por cortes orçamentários

Leonencio Nossa e Tânia Monteiro, O Estado de S.Paulo

A presidente Dilma Rousseff abre nesta sexta-feira, 14, às 14h, no Palácio do Planalto, a primeira reunião ministerial do seu governo.

No encontro, ela alertará a equipe sobre a necessidade de adotar “procedimentos éticos” e dividir com os ministros da área econômica ônus políticos que podem ser provocados por cortes orçamentários.

O ajuste nas contas de cada pasta é considerado “inevitável” pela presidente. A previsão é que o encontro se estenda até as 18h.

A abertura da reunião será feita pela própria Dilma Rousseff. Em uma explanação que deverá ser transmitida ao vivo pela NBR, emissora do governo, Dilma tentará demonstrar uma postura de “gestora” preocupada com contas e números de cada órgão da administração federal, segundos fontes do Planalto.

Durante o encontro, ela exigirá dos ministros que dividam com Guido Mantega (Fazenda) e Mirian Belchior (Planejamento) os desgastes que podem ser causados pelo ajuste orçamentário.

O comportamento do ex-ministro da Saúde José Gomes Temporão, que no governo Lula reclamava da falta de orçamento, é lembrado no Planalto como exemplo de postura que Dilma Rousseff não aceitará por parte dos seus subordinados.

Ela avalia que não há clima político para a criação de um novo imposto para financiar a saúde e diz que a limitação de recursos é uma forma de avaliar a capacidade “gerencial” de um ministro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui