Processo de Raad avança

0
9

Comissão de Ética e Decoro Parlamentar ouve hoje um dos delegados que comandou a investigação contra o distrital. Deputado do PPL é acusado de participação no suposto esquema de desvio de emenda , em 2010.

Operação Mangona: em novembro de 2012, policiais e representantes do Ministério Público recolheram computadores e documentos na casa de Raad

Os depoimentos das testemunhas do processo ético-disciplinar, que pode levar à cassação do distrital Raad Massouh (PPL), serão concluídas esta semana na Câmara Legislativa. Está marcada para hoje a oitiva do delegado Flamarion Vidal, da Polícia Civil do DF, que participou das investigações sobre um possível esquema de desvio de recursos de uma emenda de R$ 100 mil liberada pelo deputado no fim de 2010.

Além do policial, devem ser ouvidas três pessoas pela Comissão de Defesa dos Direitos Humanos, Cidadania, Ética e Decoro Parlamentar. Amanhã, será o dia de Raad e Carlos Augusto de Barros, ex-administrador de Sobradinho, falarem. A expectativa do relator do caso, Joe Valle (PSB), é concluir o relatório e entregá-lo para apreciação da comissão até o dia 21. Leia mais

Fonte: Correio Braziliense

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui