REPRESENTAÇÃO POR QUEBRA DE DECORO SÓ SERÁ APRESENTADA APÓS PARECER DA PROCURADORIA DA CÂMARA

0
3

Do Correio Braziliense:

Luísa Medeiros

A reunião da Mesa Diretora da Câmara Legislativa durou cerca de três horas e terminou às 14h desta quarta-feira (5/5). Os deputados da Mesa decidiram aguardar um parecer da Procuradoria da Câmara Legislativa sobre o depoimento de Durval Barbosa, na Comissão de Ética, para então decidir ou que será feito em relação aos deputados citados na oitiva à Comissão de Ética.

A representação por quebra do decoro parlamentar de Dr. Charles e Batista das Cooperativas só será apresentada após a análise da Procuradoria da Casa. O deputado Raimundo Ribeiro disse que é necessária uma análise jurídica do depoimento, pois existem dúvidas de como tratar algumas situações como, por exemplo, uma parte do documento que cita o Partido dos Trabalhadores. “A gente não pode processar partido. Queremos saber como agir nesse caso”, disse.

Além dos integrantes da mesa, participaram mais cinco deputados: Ailton Gomes, Benedito Domingos, Dr. Charles, Cristiano Araújo e Geraldo Naves. Todos foram citados no depoimento de Durval. A Mesa Diretora decidiu que a transferência da Câmara para a nova sede tem que ocorrer até 1º de julho, prazo máximo. Até lá eles já querem iniciar os trabalhos.

Ainda não foi decidido quem será o novo corregedor da casa. Raimundo Ribeiro disse que a Mesa Diretora aguarda a iniciativa dos deputados, pois não há nomes indicados para o cargo. Ribeiro aguarda que os próprios deputados se indiquem.

Eles decidiram que vão priorizar um dia das votações para votar projetos dos deputados. Resolveram colocar em prática a norma de que todos os projetos do Executivo têm que passar, obrigatoriamente, por todas as comissões antes de irem para o Plenário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui