Rollemberg quer fazer com que Joe Valle desista da presidência da CLDF

1
12

O governador Rodrigo Rollemberg (PSB) está empenhado em convencer o grupo de Joe Valle (PDT) a desistir da candidatura à presidência da Câmara Legislativa. Na segunda-feira (12/12) e na madrugada desta terça-feira (13), o chefe do Executivo local usou como argumento “os contras” em manter a candidatura do pedetista com o apoio de deputados investigados naOperação Drácon.

Em reunião que contou com as presenças dos deputados Professor Israel Batista (PV), Professor Reginaldo Veras (PDT) e Chico Leite (Rede), além do secretário das Cidades, Marcos Dantas, Rollemberg afirmou que o prejuízo para a imagem de Joe Valle será grande caso ele se eleja com votos do grupo liderado pela deputada Celina Leão (PPS).

Celina está entre os cinco parlamentares investigados pelo Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) por suspeita de cobrar propina para liberar emendas. Os parlamentares ligados à ex-presidente têm negociado apoio tanto para Joe quanto para Wellington Luiz (PMDB), que também pleiteia a cadeira de presidente do Legislativo.Na segunda-feira (12), o grupo de Joe se reuniu — individualmente e coletivamente — pelo menos três vezes com o governador, que apoia a candidatura de Agaciel Maia (PR). Um dos participantes desses encontros garantiu que nada — cargos ou espaço no governo — foi oferecido por Rollemberg. E o governador ouviu, mais uma vez, que Joe vai até o fim com a candidatura.

Veja as movimentações de outros personagens envolvidos na disputa pela presidência da CLDF

Wellington Luiz
Após a sessão extraordinária da Câmara Legislativa de segunda-feira (12), Wellington Luiz e Joe Valle tiveram nova conversa, agora a sós.

Segundo o pedetista, ambos avançaram nas negociações sobre a unificação da chapa, mas a decisão final só deve ocorrer em almoço com os respectivos apoiadores nesta terça-feira (13).

Agaciel Maia
Já o candidato a presidente da Câmara Legislativa Agaciel Maia (PR) afirmou que vai aguardar a garantia de que terá os 13 votos necessários para vencer a eleição para anunciar sua candidatura.

Agaciel disse ainda que seu companheiro de partido Bispo Renato Andrade (PR), que está de atestado médico até o próximo dia 20, estará em plenário para votar. Tudo para somar votos suficientes para vencer Joe ou Wellington — ou ambos em um chapa conjunta.

Rodrigo Delmasso
A segunda-feira (12) também foi de desistências. Rodrigo Delmasso (PTN) confirmou que está fora da disputa pela vice-presidência da Casa.

Delmasso e Ricardo Vale (PT) tinham colocado seus nomes para a vaga, mas o primeiro, sem apoio da bancada evangélica, acabou saindo da disputa. Segundo Delmasso, ele deve apoiar o candidato da base, Agaciel Maia.

Sandra Faraj
Aliados da ex-presidente Celina Leão garantiram que a deputada Sandra Faraj (Solidariedade) pode ceder sua candidatura para apoiar Joe ou Wellington, mesmo sendo da base do governador Rodrigo Rollemberg.

Sandra, que também postula a disputa, não foi chamada pelo governador para tratar de seu apoio ou não a uma das candidaturas, o que irritou a deputada.

Fonte: Metropoles

1 COMENTÁRIO

  1. Tá dado a largada: Deputado Agaciel é preparado e inteligente. Podendo ser muito útil a cidade a frente do legislativo local, diante de um governo atrapalha e inconsequente. Deputado Weligton se consolida como um grande parlamentar. Seria a melhor opção para presidir a casa, entre os nomes dos deputados de oposição. Seja qual for o vencedor, o que a população espera é, um legislativo independente, atuante nas causas de grande interesse da sociedade. Fiscalize e proponha leis e ações do interesse da população. Que ponha limites nas ações descabidas desse governo, seja nas questões de saúde, segurança, moradia e mobilidade urbana. Que Deus seja louvado, saia algo de melhor nesse processo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui