RORIZ DEFENDE NO PROGRAMA DO PSC QUE NÃO HAJA INTERVENÇÃO EM BRASÍLIA

1
7

O ex-governador Joaquim Roriz (PSC) dá continuidade, hoje (3), às inserções no programa gratuito do Partido Socialista Cristão (PSC), no mês de março, que estão programadas ainda para os dias 8, 17 e 24 de março. Ao todo serão veiculadas, somente neste mês,  32 inserções no rádio e na tv.

No programa de hoje o ex-governador fala da sua preocupação com o futuro da capital. «Nestes 50 anos que nós estamos comemorando, eu vejo que foi sem a menor duvida o projeto mais importante de todos os tempos do nosso país, que foi a interiorização da capital. Mas, tudo isso já aconteceu. São decisões e são obras do passado. Agora nossa grande preocupação tem de ser com o futuro. Brasília tem de ser totalmente repensada », destaca Roriz.

Entretanto, Roriz não se esquece de falar do atual momento vivido pelo Distrito Federal. «Eu vejo com certa tranqüilidade que o processo está caminhando para normalidade. Eu acho que a sociedade tem de estar muito atenta, unida, ajudar na governabilidade e na normalidade da cidade. Por isso, nós temos de apoiar o término de todas as obras iniciadas. Eu sou contra a intervenção, a favor da normalidade, para não venha qualquer revés prejudicar a população. A população não pode ser prejudicada », reforça Roriz.

No programa do dia 8 de março, Dia Internaciontal da Mulher, o ex-governador faz uma homenagem às mulheres, lembrando que o Distrito Federal teve duas governadoras, que foram suas vices, como Marcia Kubitschek e Maria de Lourdes Abadia. Roriz vai lembrar que ele criou no DF a Delegacia da Mulher e que nos programas sociais lançados na capital ele colocou a mulher como titular, por ter a certeza de que a mulher é o baluarte da familia.

Roriz volta ao programa eleitoral do PSC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui