RORIZ REAGE AOS ATAQUES DE AGNELO: “NÃO FICAREI MAIS CALADO!”

0
10

Roriz reage aos ataques de Agnelo: “não ficarei mais calado!”

“Chega de apanhar calado“, desabafou Roriz. “Agnelo tem 20 anos que não trabalha, mas ganha muito bem. Esse candidatozinho tem 20 anos que não trabalha e ganha muito bem.  Ele está se fazendo de bonzinho, mas a partir de agora vamos mostrar o quanto ele errou, o tanto que ele é malandro.  Aguardem os escândalos  que o envolvem e vocês vão ver o contracheque dele na televisão”.

A reação de Roriz foi testemunhada por mais de 5 mil pessoas, neste sábado à tarde (28/8), durante comício realizado no Condomínio Sol Nascente, no Setor P-Norte da Ceilândia.

A vibração do público entusiasmou Roriz, que  continuou:  “Perguntem quantas cirurgias Agnelo Queiroz  fez. Por que ele nunca quis trabalhar? Ele é comunista e pensa que pode levar para o paredão os adversários, para matar os outros. Esse é o candidato que faz oposição a mim”.

“Meu desafio é: podem colocar uma dúzia igual a ele que vamos vencer no primeiro turno”. Enfático, Roriz alertou os jornalistas:  “Gravem o que eu vou dizer. Vou  levar esse homem para a cadeia”.

“Eu me mantive calado, sofrendo, e a imprensa batendo todos os dias em mim. Mas não desisto, estou disposto, vou às urnas , não adianta bater, não adianta tentarem  me destruir, porque estarei sempre junto do meu povo.”

E continuou: “Minha vontade é ir de casa em casa, abraçar vocês e chorar junto com vocês pelo que estou passando. É pelo apoio que recebo que sou candidato a governador. Peço que cada um leve minha mensagem aos amigos, parentes e vizinhos:  sou e continuo  candidato a governador. Preciso  do  voto de cada um”.

No comício, o candidato Roriz estava acompanhado do seu vice, o médico Jofran Frejat (PR), da candidata ao Senado Federal, Maria de Lourdes Abadia (PSDB) e de seu suplente, Osório Adriano (DEM).

No seu discurso, Roriz ainda condenou o que ocorreu em Vaquejada, onde 300 casas de pessoas  humildes foram destruídas. “Se me chamam de faveleiro,  se dizem que inchei a cidade, nada disso vai me impedir de agir em beneficio do povo. Por acaso é crime desejar o bem do povo?”  Disse que jamais destruiu os lares dos menos afortunados, jamais destruirá. Ao contrário, deu e dará oportunidade a todos que precisam de casa própria decente para abrigar suas famílias.

Se o Distrito Federal tem gente de todo o Brasil, disse Roriz,  todos têm os mesmos direitos. “Brasília tem que dar a melhor qualidade de vida à população. Isso é questão de coração, é questão de ter Deus no coração e de solidariedade humana”, concluiu Roriz. A multidão reagiu aplaudindo e cantando a música da campanha do candidato da Coligação Esperança Renovada.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui