ROSSO DECLARA APOIO A D. WESLIAN

3
14

ELEIÇÕES 2010 – DISTRITO FEDERAL
Rogério Rosso declara apoio à candidatura de Weslian Roriz

O governador do Distrito Federal, Rogério Rosso (PMDB) declarou, neste domingo (26/09), apoio à candidatura de Weslian Roriz (PSC) ao Governo do Distrito Federal. Rosso chegou pouco após as 14h à casa de Weslian e do marido dela, o ex-candidato a governador Joaquim Roriz (PSC), no Setor de Mansões Park Way. Após poucos minutos de conversa com o casal, a entrada da imprensa foi autorizada na casa e o peemedebista anunciou sua decisão de apoiar a candidata. Ele disse tratar-se de um direcionamento pessoal e que por esse motivo nada comunicou ao presidente local de seu partido, Tadeu Filipelli, candidato a vice na chapa do maior rival do clã Roriz na disputa ao Buriti, Agnelo Queiroz (PT).

“Uma palavra que não existe no meu vocabulário é ingratidão. Eu seria incoerente, desleal, ingrato se não apoiasse dona Weslian. Eu, Karina (Rosso, primeira-dama do DF) e minha família somos Weslian”, afirmou o governador, que destacou a relação próxima de sua família com a família Roriz.

Rogério Rosso disse que manteve-se “isento” na disputa local até a candidatura da ex-primeira dama do DF, mas que não poderia deixar de apoiá-la porque, em duas ocasiões, Weslian Roriz foi “como uma mãe” para ele. A primeira foi em 2002, quando ele trabalhava na Fiat e estava prestes a mudar-se do país, o que não ocorreu porque ela o indicou para trabalhar ao lado do então governador Joaquim Roriz. A segunda foi em 2006, quando Rosso era candidato a deputado federal e Weslian subiu em seu palanque. Além disso, Karina Rosso, que acompanhou o marido ao Park Way hoje, é amiga pessoal de Liliane Roriz (PRTB), filha do casal Roriz e candidata a deputada distrital nessas eleições. Durante o anúncio do apoio da família Rosso, Liliane chorou.

Rogério Rosso disse à imprensa estar consciente de que está assumindo um risco, mas declarou não ter medo da reação de seu partido. “Para mim seria muito fácil apoiar a chapa do meu partido, que teoricamente está na frente. Mas não tenho receio de nada, é o posicionamento da minha família”, declarou o governador, que alfinetou os dirigentes de sua sigla no DF dizendo ter certeza de que o PMDB local está dividido e que a eleição atual é totalmente atípica.

Weslian Roriz disse ter certeza que o apoio de Rosso ajudará a alavancar sua candidatura. Joaquim Roriz disse ter “profundo respeito” pelo governador e que o dia de hoje é “histórico”. Informações do Correio Braziliense.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui