ROSSO NEGA ROMPIMENTO COM TADEU

7
9
ELEIÇÕES 2010 – DISTRITO FEDERAL
Rosso nega rompimento com Tadeu

O governador do DF, Rogério Rosso, não está nem tem a intenção de romper com o presidente regional do PMDB, Tadeu Filippelli. “O que existe são opiniões divergentes”, diz o governador. Ele reafirma que não tem nada contra as alianças, mas acredita que o PMDB tem cacife para bancar uma candidatura própria e até levar a disputa para o segundo turno com chance de vitória.

Tendo como base as últimas pesquisas, Rosso acredita que o número de indecisos deixa uma mensagem clara da população pela mudança e a busca de novas alternativas para as eleições do próximo mês de outubro.

Alguns peemedebistas que não gostaram da forma como foi feita a aliança, chegam a perguntar: “Por que o PMDB não poderia ser cabeça de chapa?” Só que agora é tarde, apesar de que em política tudo é possível.

Já presidente do PMDB-DF, deputado federal Tadeu Filippelli, diz que nunca encarou as opiniões do governador como uma forma de rompimento. “A divergência de opiniões é o combustível da política”, diz Filippelli.

Ele aproveita para fazer um esclarecimento sobre o fato do governador não ter sido convidado para a cerimônia em que o PMDB e o PT anunciaram a aliança para as eleições de outubro. Filippelli diz que em todos os estados onde houve o ato, os partidos tomaram o cuidado de não envolver os governos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui