Sandra Faraj entre a cruz e a espada na CLDF

0
11

O presidente da CLDF  deputado Joe Vale (PDT), está bastante preocupado com o fortalecimento do bloco União por Brasília, que reúne 13 distritais e poderá eleger todos os presidentes e ainda ter  três assentos garantidos em todas as comissões.

A dúvida sobre o destino da eleição das comissões  é como ficará a situação da distrital Sandra Faraj (SD). Deputados ligados à ex-presidente Celina Leão ainda acreditam que  a distrital deixará o grupo apoiado pelo governador Rollemberg. Mas caso isso ocorra, a parlamentar contrariaria pela segunda vez a vontade do governador Rodrigo Rollemberg (PSB).

Ela votou contra o governo na eleição para a presidência da Câmara Legislativa, ao se aliar ao grupo de Joe Vale que acabou vencendo a disputa. Por outro lado, o  “Bloco Relâmpago”, formado pelo Sustentabilidade e Trabalho, composto por PDT e Rede e pelo grupo liderado pela deputada Celina Leão (PPS),  aposta na vitória. Ao todo, essa composição teria 11 votos e só conseguiria bater de frente com o União por Brasília caso Sandra Faraj o abandone.

Celina torce para que Sandra cumpra acordo e permaneça  no grupo. A felina tem na manga um forte argumento para convencer a amiga. E agora?

 

 

 

Fonte: Donny Silva