Sequência de obras de março a maio

0
11

filippelli5

O vice-governador Tadeu Filippelli (foto) prevê um período de movimentação intensa entre o final de março e os primeiros dias de maio. Será uma sequência de ações, todas elas ligadas ao programa de obras do governo. A abertura da série será o início das operações, ainda em caráter informal, do Expresso-DF Sul, no dia 31 de março. É o que Filippelli chama de operação branca, para testar o seu funcionamento. Em seguida, já em abril, virão os primeiros passos do Expresso-DF Sudoeste, uma ligação transfersal de Samambaia e Ceilândia com o traçado da linha Sul e de lá para a Rodoviária do Plano Piloto. Também em abril se fará o lançamento da licitação para o Expresso-DF Norte. Semelhante à linha Sul, fará o transporte em via expressa entre Planaltina, Sobradinho e Plano Piloto.

Fim de dois tormentos

No mesmo período serão entregues à população duas obras de peso. A primeira será o Balão de dona Sarah, ligação do Aeroporto JK com o centro de Brasília. A seguir, o viaduto do final da Asa Sul, obra interminável que começou como ponto de partida do VLT, ficou anos e anos embargada e, agora, servirá para o trânsito de todo o eixo Sul — Gama, Santa Maria, cidades da Região Metropolitana — com o Plano Piloto. Será usada também pelo Expresso-DF. Mais do que tudo, a entrega dessas obras representará o fim de tormentos para quem circula por toda a área do final da Asa Sul.

Ligação com o Metrô

Na sequência virão a compra de dez vagões para o Metrô, assim como o lançamento da licitação para duas obras de sua extensão, uma estação em Samambaia-Ceilândia e outra no Hospital Regional da Asa Norte, marcando a ligação via Metrô de toda essa área do Plano Piloto. Enfim, começará a obra da via que ligará o Torto ao Taquari.

 

 

Fonte: Eduardo Brito/Do Alto da Torre/Jornal de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui