SERRA VAI DEFENDER A ÉTICA

0
9

De Adriana Vasconcelos e Flávio Freire, de O Globo:

Numa festa preparada para 4 mil pessoas e orçada em R$ 560 mil, José Serra (PSDB) retoma neste sábado, no lançamento de sua pré-campanha à Presidência, em Brasília, o discurso de que a política deve ser feita com honra e caráter, como fez quando se despediu do governo de São Paulo , semana passada.

Após amplo debate com a direção nacional do partido, que considera a bandeira da ética “uma demanda nacional”, Serra vai ressaltar a tese de que, mais importante que fazer uma comparação entre governos, o eleitor precisa é ficar de olho na ficha de cada candidato.

Serra não pretende entrar em confronto com a pré-candidata petista, Dilma Rousseff, tampouco com o governo do presidente Lula, ao menos nessa reta inicial da campanha.

O evento, que acontece num auditório e será transmitido simultaneamente para outros dois espaços na área hoteleira da cidade, foi pensado ao longo da semana para que não se dê margens para a “infiltração” da adversária na festa. Em princípio, referências nominais aos adversários devem ser evitadas.

A ideia é mostrar unidade em torno de Serra. Para isso, os tucanos não pouparam esforço. Pelos salões foram espalhados telões de alta definição e TVs para registrar cada detalhe.

Só de São Paulo chegarão mil pessoas. O PSDB bancou passagem e hospedagem para 2,5 mil correligionários. Mais de 300 pessoas formam o exército de funcionários que cuidarão da festa.

Os mesmos marqueteiros da campanha presidencial de 2002 participaram da organização. Para evitar o molde padrão de eventos políticos, não haverá palanque nem mesa de autoridades. Apenas um púlpito, e os principais convidados ficarão em cadeiras logo à frente.

Leia mais em No lançamento da pré-candidatura, Serra vai defender a ética

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui