MAIS
    HomeDistrito FederalSTJ rejeita recurso de Gilson Campos

    STJ rejeita recurso de Gilson Campos

    Ele até tenta demonstrar tranquilidade, mas o fato é que o atual presidente da Assembleia de Deus de Taguatinga (ADTAG), pastor Gilson Campos está próximo de ser catapultado da direção da denominação e têm andado bastante aflito.

    Campos perdeu até aqui na Justiça, e inclusive no Supremo Tribunal de Justiça (STJ). Seu advogado ingressou com um agravo em recurso especial Número 1931239 -DF (2021/0205174-0).

    A relatora, ministra Nancy Andrighi, afirmou que o agravo não demonstrou ser consistente e portanto não conheceu do agravo em recurso especial.

    Resta agora saber se Gilson Campos continuará omitindo no púlpito da igreja, as decisões judiciais contrárias ao seu interesse de manter-se no cargo.

    Recentemente um desabafo feito pelo pastor Gilson Campos acabou repercutindo na internet.

    No culto que foi transmitido nas redes sociais da igreja, no último dia 17 de outubro, o pastor reclama da “inadimplência” dos fiéis que não devolvem o dízimo.

    “Você que não entrega dízimo na igreja, você não tem que falar nada, você calado tá errado. Se alguém pode dizer alguma coisa aqui é alguém que todo mês vai ali entregar o dízimo. Você tem que parar de ser sanguessuga, aproveitando o que os irmãos entregam, porque se esses irmãos não são dizimistas, não tem culto”, disse o pastor que melhorou muito de vida desde que assumiu o comando da ADTAG.

    Medidas judiciais protelatórias não manterão Gilson no cargo. A contagem regressiva para a saída de Gilson já começou. Tic, tac, tic, tac…

    Confira a decisão do STJ:

    decisão igreja

    LEAVE A REPLY

    Please enter your comment!
    Please enter your name here

    Deve ler

    spot_img