TJ veta quitação, pelo GDF, de dívida trabalhista de empresas de ônibus

0
9
Montante chega a R$ 120 milhões referente a rescisão de contratos. Decisão é em caráter liminar; GDF diz que vai cumprir ordem da corte.

 

O Conselho Especial do Tribunal de Justiça de Brasília suspendeu nesta terça-feira (17) os artigos na lei distrital 5.209/13 que permitiam ao governo do Distrito Federal arcar com as verbas trabalhistas decorrentes da substituição de empresas do transporte público coletivo. Leia mais

Fonte: Ricardo Moreira-Portal G1 DF

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui