URGENTE! PF faz buscas contra desembargadores do Tribunal de Justiça de Minas Gerais suspeitos de receber propina

0
52

Por Fernando Zuba e Ana Tereza Almeida, G1 Minas — Belo Horizonte

Polícia Federal faz operação para investigar advogados e desembargadores de Minas — Foto: Danilo Girundi/TV Globo

Os desembargadores Geraldo Domingos Coelho e Paulo Cézar Dias do Tribunal de Justiça de Minas Gerais são suspeitos de receber propina para influenciar na solução e no andamento de processos judiciais. Eles são investigados na operação Cosme do Ministério Público Federal (MPF) e da Polícia Federal (PF) que cumprem, na manhã desta quarta-feira (18), 10 mandados de busca e apreensão.

Segundo a PF, foram apreendidos R$ 50 mil na casa do advogado Luiz Carlos de Miranda Faria, ex deputado estadual e parte do conselho da Usiminas. Além disso, durante as buscas também foram apreendidas várias provas que colaboram para o esquema.

Ainda de acordo com a PF, são sete investigados que para conseguir os privilégios ofereciam retribuições financeiras e outras vantagens indevidas. Serão cumpridos seis mandados em Belo Horizonte, um na cidade de Ipanema, um em Engenheiro Caldas e dois no estado de São Paulo.

Além dos desembargadores, entre os alvos, está o advogado Ildeu da Cunha Pereira Sobrinho, que morreu em fevereiro deste ano. Ainda foi permitida a quebra de sigilo fiscal e bancários de vários investigados.

O G1 tenta contato com os desembargadores Geraldo Domingos Coelho e Paulo Cézar Dias, além do advogado Luiz Carlos de Miranda Faria, mas até a última atualização desta reportagem não havia retorno.

FONTE: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui