Visão, gestão e voto definem Rogério Rosso

0
18

rosso2014
Contrariando todas as expectativas e demonstrando visão política, o então ex-governador do DF e presidente do PSD, Rogério Rosso, mostrou que tem competência não apenas como gestor.

No dia 5 de outubro, Rosso, surpreendeu a todos sendo o segundo deputado federal eleito no DF com mais votos. Mas antes disto, ainda na fase de articulações das legendas, Rosso fez uma aposta mal compreendida e hoje aplaudida.

Vários analistas políticos apostaram que na reta final Rosso levaria o PSD para a coligação de Arruda e Roriz. Porém, Rosso apostou na candidatura de Rodrigo Rollemberg, que naquela fase tinha em média 10% das intenções de voto e aparecia na 3ª colocação na disputa pelo GDF.

Rosso foi visionário e apostou certo, levou um bom tempo de TV para a campanha de Rollemberg e garantiu a vaga de vice-governador para seu partido (PSD), mais do que isto, garantiu pela primeira vez na história do DF, que um morador de cidade satélite ocupasse a vice-governadoria.

Além de ser eleito deputado federal e de eleger Renato Santana como vice-governador, Rosso garantiu para o PSD uma cadeira no Senado para Hélio Lima, suplente do Senador Rollemberg.

Sem duvida o PSD sai da eleição de 2014 como um dos partidos mais fortes do DF.

Por Sandro Gianelli

 

 

Fonte: Blog do Sandro Gianelli

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui