Vitória para os professores do Distrito Federal

0
4

 

O Projeto de Lei 438/2011, de autoria do deputado Benedito Domingos, que autoriza as instituições públicas e privadas a instalarem dispositivo de sonorização nas salas de aulas do Distrito Federal, com 40 alunos ou mais, será encaminhado ao governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, e sancionado em breve. O veto que impedia o projeto do deputado de seguir adiante foi derrubado na quinta-feira. Com a lei, os professores do DF terão mais saúde ao lecionarem suas aulas.

A proposta tem o intuito de amenizar sintomas como falta de ar ao falar, cansaço, rouquidão nos últimos seis meses e voz mais grossa que o normal. Isso geralmente acontece quando os professores que forçam muito as cordas vocais ao falarem. Estes problemas geram, em média, cinco faltas por ano entre os professores da educação básica no país, de acordo com um estudo realizado pelo Centro de Estudos da Voz (CEV), em parceria com o Sindicato dos Professores de São Paulo (Sinpro-SP), e a Universidade de Utah, nos Estados Unidos.

Existem 28 mil professores na rede de ensino pública do DF e, diariamente, há inúmeras ausências das salas de aula por motivos de saúde. Segundo a Secretaria de Educação do Distrito Federal, doenças relacionadas à voz são a segunda maior causa de adoecimento do professor, atrás apenas de problemas psicológicos e psiquiátricos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui