Escola Técnica Federal

0
10

A população da Ceilândia em breve ganhará uma Escola Técnica Federal. “Um grande motivo de comemoração para os moradores da nossa cidade”, diz o deputado Chico Vigilante, líder do Bloco PT/PRB, e morador de Ceilândia há mais de 33 anos. Na última quarta-feira (30), Chico visitou o local onde será construído o prédio da instituição. O terreno fica ao lado do Campus da UnB, nas proximidades da curva do metrô.

 

O deputado que lutou para levar uma Escola Técnica para a Ceilândia desde o início da gestão do ex-ministro da Educação, Fernando Haddad, comemora entusiasmado a notícia de início para breve da obra de construção da escola. Há cerca de três anos, o deputado travava verdadeira batalha juntamente com o Governo Federal para conseguir o terreno que pudesse comportar a instituição na Ceilândia.

 

“Essa é uma grande conquista para aos moradores da Ceilândia, que terão na escola técnica uma grande oportunidade de fazerem um curso de capacitação e sair de lá pronto para o mercado de trabalho”, argumenta o deputado.

 

Chico Vigilante visitou o local na companhia do administrador regional, Ary de Almeida. Na primeira etapa de construção, a escola contará com diversos cursos e capacidade para receber e capacitar 1.500 alunos. Com a conclusão definitiva da obra, essa capacidade quase dobra e 2.500 alunos serão preparados na instituição.

 

A Novacap deu início na quarta-feira à retirada de um lixão do local e em seguida fará a derrubada de pés de mamonas existentes no terreno. As máquinas estão a pleno vapor. A expectativa é de muito trabalho pela frente.

 

Abadião

 

Chico Vigilante também visitou a obra de reforma do estádio Abadião, na Ceilândia. O repasse orçamentário para a reforma, R$600 mil, foi feito pelo parlamentar por meio de emenda. A obra teve iniciou no mês de novembro e acontece em duas etapas. A previsão de entrega da primeira fase é para março, quando terão início os torneios de futebol.

 

Nesta primeira fase já foram reformados os banheiros com acessibilidade para portadores de necessidades especiais, um posto médico, a lanchonete, além de diversos reparos em toda estrutura.

 

Em execução, a reconstrução de 3.200 metros quadrados de muro de pré – moldado, que estava prestes a desabar, de alvenaria, em blocos de cimento. O novo muro também ficará mais alto, com quatro metros aproximadamente. A media visa, inclusive evitar possíveis invasões.

 

Também será reformado o estacionamento interno, a cozinha, os vestuários, as duas bilheterias, as duas entradas de acesso do público ao interior do Abadião, os banheiros, as arquibancadas, o camarotes de honra, além das salas de massagem, aquecimento.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui