Antenado

0
20

 

São grandes as suspeitas sobre uma licitação de R$ 3 milhões do Dnit para instalar radares nas estradas pelo país. Pela segunda vez, a Justiça Federal suspendeu o pregão, que se arrasta desde o ano passado. A juíza Camila Parahyba considerou irregular a ausência de estudos para escolha dos locais dos radares e mandou o edital ser refeito.

 

 

Fonte: Istoé