Saia justa

0
10

O vice-governador Tadeu  Filippelli passou por maus momentos no programa de Toninho Pop, transmitido pela Rádio Mania, na manhã de ontem quando questionado pelo jornalista Mino Pedrosa a respeito de uma declaração gravada do presidente da Comissão da Licitação para a troca dos ônibus em Brasília e sobre a participação de um advogado ligado a empresas que concorreram no certame. O vice-governador brasiliense  preferiu dizer que não acreditava no envolvimento de Galeno Furtado, aquele que trabalhava com o então presidente da Codeplan, Durval Barbosa. Mas também não pediu para ouvir as fitas. 

 

 

Fonte: Eduardo Brito/Do Alto da Torre/Jornal de Brasília

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui