CASO BENEGATE: RENÚNCIA E NOVAS DENÚNCIAS A CAMINHO

7
12
Benedito: Entre a cruz e a espada, renúncia e a cassação.

A situação do deputado distrital  Benedito Domingos (PP) pode se complicar com a provável denúncia da procuradora-geral de Justiça do DF, Eunice Carvalhido, com base no inquérito da Divisão Especial de Repressão aos Crimes contra a Administração Pública (Decap) da Polícia Civil do DF.

O relatório está no Ministério Público e deverá ser encaminhado para avaliação da procuradora-geral, uma vez que Benedito tem foro especial e só poderá ser julgado no Conselho Especial do Tribunal de Justiça do DF. No inquérito, foram indiciados Benedito, Arruda, o ex-secretário de Governo José Humberto Pires e os ex-coordenadores de Cidades Geovane Ribeiro e Irio Depieri.

Benedito precisa decidir se vai sangrar em público ou se sairá de cena para evitar novos constrangimentos. Ou seja: renunciar ao mandato pode ser a melhor solução. Até por que tem mais fatos a caminho.

Com informações do Correio Braziliense

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui