Servidores do GDF viajarão à um dos países mais corruptos do mundo estudar modelo de anticorrupção

0
49
Os servidores Liane Vasconcelos de Araújo Angoti, subcontroladora de Controle Interno, e Paulo Ribeiro Lemos, Chefe da Assessoria de Harmonização Central, viajarão no próximo dia 19 para a Indonésia com tudo pago pelo Governo do Distrito Federal para estudarem, durante dez dias,  o “modelo” de controle interno anticorrupção de um dos países mais corruptos do mundo! Ironia, não? Além disso, vão ficar milionários na Indonésia considerando os valores das diárias em dólar que cada um vai receber, além das passagens,  US$ 3.124,00 que convertidos somam  43.037.436,56 rúpias indonésias… Claro que o governador não poderia negar aos “corregedores” esse agrado, ainda mais em ano eleitoral.
Fonte: Donny Silva

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui