Izalci leva nova rasteira de Rollemberg e seus opositores no PSDB ganham mais espaço no GDF

1
6

Reforço na base de apoio de Rollemberg

O presidente do PSDB-DF e deputado Federal Izalci Lucas sofreu um novo golpe de seus opositores tucanos nesta segunda-feira (11). Após várias rodadas de negociações secretas com o governador Rodrigo Rollemberg, os tucanos insatisfeitos com a gestão de Izalci conseguiram ampliar a força política dentro do Governo do Distrito Federal e ganharam mais uma Secretaria de Estado. Desta vez, o PSDB assume a Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, uma das mais importantes da estrutura distrital.

No Diário Oficial desta segunda-feira, Ludmilla de Faro foi nomeada como a nova titular da pasta. Conhecida militante entre os tucanos, Faro chegou a ser candidata pelo partido em outras oportunidades, sem, contudo, conseguir ser eleita. Ela também ocupa uma cadeira na Executiva Regional e foi, inclusive, o nome escolhido por Izalci para ser delegada do DF no comando nacional da legenda. A eleição que deu a ela a representação nacional partidária ocorreu neste sábado (9).

A escolha do nome da militante tem sido encarada como uma rasteira no atual presidente do ninho tucano brasiliense. Izalci havia colocado todas as fichas em Ludmila para acompanhá-lo na missão de mantê-lo no comando regional do partido. No entanto, a nova secretária já conversava com o grupo opositor para liderar a pasta que seria entregue ao PSDB local, com vistas a uma possível aliança nas eleições do ano que vem.

Recentemente, a Secretaria de Desenvolvimento Social foi alvo de debandada assim que o atual presidente da Câmara Legislativa, deputado Joe Valle, decidiu juntamente com seu partido, o PDT, deixar a base de apoio de Rollemberg. O então titular da área, Gutemberg Gomes, foi exonerado em outubro por ser nome de confiança do chefe do Legislativo.

A pedido do governador, a secretária-adjunta, Marlene Azevedo, continuará temporariamente na vaga. Outros nomes, como o do secretário-adjunto do Trabalho, Thiago Jarjour, que se desligou do PDT, e o da secretária-adjunta de política para Mulheres, Direitos Humanos e Igualdade Racial, Joana D’arc Alves Barbosa Vaz de Mello, permanecerão por enquanto nos postos. Joana D’arc foi nomeada recentemente pelo governador, que decidiu substituir a socialista Márcia de Alencar que até então ocupava o cargo. Márcia virou assessora do gabinete do governador. As trocas foram feitas no último dia 5 de dezembro. Os nomes que devem compor a equipe da nova secretária ainda estão sendo estudados pelo PSDB.

Reforço na base de apoio

Desde que perdeu aliados importantes em seu governo, como o PSD, o PDT e a Rede, Rodrigo Rollemberg tem investido numa forte aproximação com o PSDB-DF, apesar do posicionamento contrário do comandante local da sigla, Izalci Lucas. Mesmo assim, Rollemberg conseguiu coroar a ex-governadora Maria de Lourdes Abadia, um dos nomes mais conhecidos do ninho tucano, a ocupar a Secretaria de Assuntos Estratégicos. Desde então, o ninho tucano está rachado, já que Izalci tenta assumir a oposição local ao governo socialista.

A pasta de Abadia tem atuado no desenvolvimento de regiões carentes, como o Por do Sol e Sol Nascente, em Ceilândia, base eleitoral da ex-governadora, e foi criada exclusivamente para abrigar a política, hoje a principal opositora de Izalci dentro do PSDB.

1 COMENTÁRIO

  1. O cara não quer disputar a eleição interna no proprio partido, e ainda quer concorrer a eleição de governador. Pq tanto medo Izalci? O que vc teme? Fica só sendo bajulado por assessores, pq o povão mesmo te rejeita. Quem deveria ser presidente do PSDB-DF é o Robério. Jovem com ideias boas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui