O ingrato

0
19

Conhecido advogado no DF pediu um grande favor a um amigo, que prontamente  colaborou efetivamente para o sucesso de uma causa de interesse do escritório do cidadão. O advogado então fez juras de amizade eterna mas não honrou o compromisso de ajudar o amigo que tanto se empenhou para ajudá-lo na empreitada solicitada. “É um advogado com milhões de motivos para ser chamado de ingrato e caloteiro mesmo”, segundo o amigo que ficou a ver navios. Essa história promete capítulos emocionantes!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui