Uma série de crimes no coração de Brasília

1
6

Por Lilian Tahan e Clara Becker

Dos bolsões de pobreza à região central, a insegurança domina a cidade. E o ano de 2014 começa com uma média de setenta crimes por dia apenas no Plano Piloto.

Maria Inês fala com exclusividade sobre a morte do marido: o assassinato ocorreu na véspera do casamento de uma filha do casal (Foto: Roberto Castro).

 

Naquela sexta-feira (3), João Carlos Franco de Souza deu o braço à filha Patrícia e a levou até o altar da Catedral. Em meio a sorrisos e cercado de pessoas queridas, o brigadeiro da reserva repetiu o percurso várias vezes. Piloto de caça, ele acostumou-se à velocidade, mas nesse dia não teve pressa. Era o ensaio do casamento de sua primogênita, marcado para sábado (4). De noite, ao voltar para casa, quando entrava na garagem do prédio onde morava, no bloco J da 112 Sul, Souza foi abordado por três bandidos que o seguiram de carro. Sem perceber a presença dos assaltantes, o militar abriu a garagem e os criminosos o cercaram. O brigadeiro se assustou, pisou no acelerador e perdeu o controle do veículo. Nesse momento, um dos assaltantes atirou no pescoço de Souza. As irmãs, os cunhados, as sobrinhas e a mãe do piloto aposentado, que vieram a Brasília para assistir a um casamento, participaram do funeral do militar no mesmo dia em que estavam marcadas as bodas da filha dele. Leia mais

Fonte: Blog Grande Angular / Revista Veja Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui