Mané Garrincha leva 7 meses para ter goteiras em cobertura de R$ 209 mi

1
11

Sete meses após inauguração, Mané Garrincha tem goteiras em cobertura.

Torcedores tentam se proteger das goteiras na arquibancada coberta do estádio Mané Garrincha, neste domingo (22), durante jogo entre a seleção brasileira feminina de futebol e a chilena: Brasil goleou na final do torneio internacional e venceu por 4 a zero | Aiuri Rebello/UOL

 

O torcedor que foi ao estádio Mané Garrincha em Brasília prestigiar a seleção brasileira feminina de futebol – que goleou neste domingo o Chile por 5 a 0 na final do Torneio Internacional de Futebol Feminino – sofreu com o grande número de goteiras na cobertura que atingiram praticamente todo o anel inferior da arquibancada coberta na arena. As goteiras e vazamentos nas emendas da estrutura podiam ser observadas por todos os lados. Em alguns casos, a intensidade era tal que obrigava funcionários da manutenção a conter a água com rodos e colocar placas de aviso para os torcedores terem cuidado com o chão molhado. Leia mais

Fonte: UOL

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui