Evandro Garla incentiva os jovens a continuarem estudando

0
8
evandrogarla2013Em cursinhos preparatórios, jovens que nem concluíram o ensino médio ou acabaram de sair da faculdade devoram apostilas, decoram fórmulas, normas e leis. As salas de aula estão lotadas. O que todosquerem é uma vida considerada tranquila, com o direito de” trabalhar menos e ganhar mais”.
De acordo com a Pesquisa do Instituto FSB, o sonho de ser um servidor público traduz em números um fenômeno próprio da Capital do País, que influencia a economia local e, mais do que isso, dita a dinâmica a cidade e mexe com o jeito de ser da população, ou seja, 47% assume insatisfação com o que faz e não esconde o sonho de trocar de emprego.
A pesquisa ouviu 1.109 moradores, em 23 regiões administrativas. A Capital dos concursos possui 63% de pessoas que cansaram de seu emprego atual e querem ser servidores públicos. O baixo risco de demissão, mencionado por 39% dos entrevistados é o sonho dosconcurseiros, 37% dizem que o servidor público ganha mais.
Brasília recebe concurseiros do Entorno e de todos os cantos do país. E não é a toa que as industrias dos cursinhos movimentam por ano, direta e indiretamente, cerca de R$ 1 bilhão de reais. O conhecimento é algo que se conquista para si próprio, por isso acredito que vale a pena investir altos valores para ser aprovado em um concurso público. É a mesma coisa de estar investindo anos e anos em você mesmo.
Com informações do Correio Braziliense

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui