TONINHO POP QUER SER A VOZ DA POPULAÇÃO

0
90

toninhopop5

O candidato a deputado distrital pelo PRTB, Toninho Pop foi convidado para ser o entrevistado da semana do programa de rádio Paranoá Notícias. Pop falou da sua trajetória de vida e dos projetos que pretende realizar, caso eleito. O candidato também foi questionado sobre temas como a corrupção e o que faria se recebesse um convite para assumir uma secretaria.

Antônio José Pereira Garcia, mais conhecido como Toninho Pop, foi candidato pela primeira vez pelo PTdoB em 1990, mas não assumiu uma cadeira na Câmara porque o partido não atingiu o coeficiente eleitoral. Na segunda, em 1994, também não se elegeu devido ao número de legendas ligadas ao seu partido.
Após essas tentativas, ele decidiu se dedicar a carreira como radialista e apresentador de tv. “Percebi que isso era um sinal para ficar “quieto” e resolvi focar na minha carreira como comunicador e consolidar uma vida empresarial”. Segundo o candidato, em 2010, à pedido de amigos e de políticos da cidade, resolveu se candidatar novamente. Desta vez, a deputado federal pelo PMDB. Pop teve mais de 21 mil votos, mas não atingiu o número suficiente para o pleito.
O candidato percebeu que a confiança e o prestígio dados pela população, através da sua profissão como comunicador, abriram um leque de interação entre ele, a sociedade e o governo. Pop utilizou seu trabalho no rádio e na TV, para mostrar as necessidades e anseios da população e levá-los para as autoridades competentes. Na opinião do candidato, essas ferramentas podem ajudar a melhorar a qualidade de vida da população. “Se eu tiver uma caneta na mão, quando uma demanda ou denúncia chegar, terei mais “força” para resolver”, disse.
Pop considera a sua atual candidatura como um direito legítimo. Em sua opinião, tem todos os requisitos e conhece de perto os anseios da população. “Cheguei nesta cidade ainda criança e estudei nas escolas públicas mais tradicionais. Embora tenha tido uma infância muito pobre, me considero um cidadão privilegiado. Só tenho a agradecer à população de Brasília por todo carinho e reconhecimento”.

Bandeira empunhada
Questionado sobre quais seriam suas propostas como deputado distrital, Toninho disse que trabalhará veementemente pela educação e pelos jovens. Para ele, o cidadão que tem estudo, pode escolher melhores caminhos. “Trabalharei pelos jovens, na prevenção e proteção contras as drogas; e na escola em tempo integral”, explicou.
O radialista, João Gomes também quis ouvir a opinião de Pop sobre o governo “tapar” os olhos para a situação dos jovens que entram para o mundo das drogas e sobre os pais que não possuem auxílio para o tratamento. Toninho disse que é preciso que se tenha, além do apoio governamental, a ajuda das comunidades terapêuticas. “É necessário que o governo se una à essas entidades que trabalham com a recuperação dos nossos jovens. As comunidades terapêuticas possuem profissionais especializados na prevenção e no combate deste problema”, afirmou.
Perguntado por um ouvinte sobre como irá trabalhar pelo esporte, Pop disse que inserir os jovens nessa atividade ajuda em ocupá-los. “Estarei atento em fazer alocação de recursos, por meio de emendas, para a construção de quadras de futebol e de outras atividades esportivas para que os jovens possam ser melhor atendidos”, comprometeu-se.
Com o slogan “A Minha voz é sua voz”, Pop quer ser o “autofalante” da sociedade. De acordo com o candidato, tem muitas ações governamentais que são realizadas sem a opinião da sociedade. “O Expresso DF BRT Sul foi construído para melhorar a vida dos cidadãos do Gama e de Santa Maria. Mas, segundo relatos de moradores, ao invés de melhorar, tem piorado. Foram retiradas 27 linhas de ônibus sem ouvir ou comunicar os usuários. É verdade que a viagem que era de 1h30 ficou em 40 minutos, mas o tempo que os passageiros perdem para chegar ao BRT dá o mesmo tempo ou mais,” explicou.

Visão dos eleitores
Pop tem caminhado e visitado famílias, comércios e feiras por toda a cidade. Por onde passa é reconhecido pelo seu trabalho e pelas suas ações sociais. O candidato ainda disse que sente que a população está desacreditada na política e que algumas vezes é indagado sobre seu desejo de fazer parte dela. “Só quem tem a temer em se tornar uma figura mal vista é aquele que não trabalha. Trabalharei na política do mesmo jeito que trabalho no rádio e na tv. Caso eleito, não vou ser uma autoridade arrogante, que ninguém consegue falar. Quero ser acessível o tempo todo”, reiterou.
Também questionado sobre o que faria se recebesse um convite do governador para ser Secretário de Comunicação e se ele deixaria “o povo órfão”, Toninho disse que pretende cumprir o seu mandato como legislador. “É para isso que estou em campanha; é para isso que estou lutando, quero honrar o voto de confiança da população”, respondeu.
Toninho pop finalizou sua entrevista dizendo que quer ser a voz da população na Câmara Legislativa. “Preciso que a população me dê uma oportunidade para avaliar o meu trabalho como deputado. Quero ajudar essa cidade e toda a população que sempre foram tão generoso comigo”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui