Horizonte turbulento

0
9

 

Enquanto o governo ainda tenta desatar o nó com a Polícia Civil, outras paralisações começam a se formar no horizonte. A Casa Civil fala de um déficit de R$ 1 bilhão para fechar as contas de 2016. Mas as 32 categorias, que esperam por reajuste em outubro, não dão sinais de que concordarão com este argumento. “As 32 categorias vão se reunir nestes dias para começar a conversar sobre outubro. Em todas as conversas conosco o governo nos prometeu os reajustes para outubro. Não vamos aceitar outra coisa. E volto a dizer: é estranho que governo diga que está sem dinheiro e o Diário Oficial continue recheado de contratações de comissionados”, comentou. Ibrahim Youssef, presidente do Sindireta.

 

 

Fonte: Coluna Do Alto da Torre

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui