Joe a Rollemberg: “Tem brilho no olho, mas é centralizador e inseguro”

0
19

Eleito para comandar a Câmara Legislativa pelos próximos dois anos, o distrital Joe Valle (PDT) promete mudar o foco de escândalos que domina a pauta da Casa há anos. Em entrevista ao Metrópoles, ele disse que vai adotar uma metodologia de gestão “clara, participativa e colaborativa”.

Sobre sua condição em relação ao governo de Rodrigo Rollemberg (PSB), o deputado que derrotou o candidato governista opta por um posicionamento diplomático: “A gente não pode ser oposição que diz que tudo está errado quando tem algumas coisas certas, nem situação que diz que tudo está certo, quando há coisas erradas”.

Convidado a fazer um balanço da primeira metade do governo Rollemberg, Valle foi irônico: “13% de aceitação. Não preciso falar mais nada”.Apesar de ter liderado uma supersecretaria de Rollemberg, mas não ter conseguido ajudar a melhorar a aprovação do governo, Valle afirma que contribuiu para um processo de estruturação do governo nas áreas onde atuou e que as melhorias aparecerão em médio e longo prazos.

Para o novo presidente do Legislativo local, o Poder Executivo não consegue mostrar resultados porque está em disputa, “sem um norte programático” e “embora o governo tenha um monte de projetos interessantes, no conjunto a ideia é que as coisas não vão bem”.

Ao definir Rodrigo Rollemberg, Joe Valle destacou que o governador tem brilho nos olhos e a capacidade de se empolgar com bons projetos, mas criticou o governador em dois pontos: “Ele é centralizador e inseguro”.

Assista ao resumo da entrevista:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui