Magela queria o Buriti, mas repentinamente apareceu a PF…

0
16

magela

 

 

 

 

 

 

A Polícia Federal deflagrou na quinta-feira (2) a operação Clã, cujo objetivo é desmantelar um suposto esquema de corrupção no programa habitacional do governo de Agnelo Queiroz (PT).

Agentes conduziram coercitivamente 13 pessoas, entre elas o ex – secretário de Habitação, Geraldo Magela, que viu o plano de se candidatar ao Palácio do Buri ir literalmente para o brejo.

Magela tentou se eleger senador nas últimas eleições e não conseguiu. Estava se preparando para ser o candidato do PT ao Governo do Distrito Federal em 2018, mas após a deflagração da Operação Clã, a situação do ex-parlamentar ficou muito complicada e desgastada.

Acabou para Magela, Dilma, Lula e principalmente para o PT, que virou sinônimo de corrupção no Brasil. Nem Paulo Tadeu salva o PT nas próximas eleições no DF.

 

 

 

Fonte: Donny Silva

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui