Mendes quebra a “liturgia do cargo”

0
33

Para Wesley Vaz, o ministro Gilmar Mendes, através do Twitter, adotou um discurso político ontem em um tuíte, exibindo uma hashtag contrária ao governo Bolsonaro. Ou seja:  o ministro Gilmar Mendes, do STF, quebrou a “liturgia do cargo” para atacar e cobrar o presidente. Ele pode, outros juízes comuns não!

Mendes, ao lado de Dias Toffoli, se acham mesmo os donos do Brasil!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui