Campanha de letras miúdas irrita reguffe

0
14

Jefferson Rudy/Agência Senado

A crise hídrica do Distrito Federal poderia ter sido evitada, na opinião do senador Reguffe (sem partido), se uma lei de autoria dele fosse amplamente divulgada para a população. Quando era deputado distrital, o senador aprovou um projeto – Lei 4.341/ 2009 – que concede desconto de 20% sobre o valor economizado pelos consumidores na conta de água, tendo como base de cálculo o consumo do mesmo mês do ano anterior. Na opinião de Reguffe, a lei, que está em vigor, é desconhecida, por falta de campanhas educativas do governo, que poderia incentivar a população a gastar menos. Hoje, o incentivo é divulgado em letras miúdas no verso da conta de água. “A ameaça de racionamento é fruto da irresponsabilidade de governos que não se preocuparam com essa questão, porque, da aprovação da minha lei para cá, nada foi feito”, discursou Reguffe, ontem, na tribuna do Senado.

Sem prevenção

O problema vem desde 2009, quando a lei foi sancionada, conforme o senador. “Vieram vários governos e ninguém fez uma campanha educativa sequer para avisar a população do Distrito Federal. A capital foi pioneira nessa tipo de iniciativa criativa e seguida depois por outras unidades da Federação. Quando há uma crise, querem penalizar o consumidor. Por que não se fez um trabalho preventivo?”, questiona Reguffe.

 

Fonte: Do Alto da Torre/Jornal de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui